Ponto de Referência – Jô Soares

jo-soares

Olá meu bom leitor.

Hoje trago o trecho da incomparável obra O Xangô de Baker Street de Jô Soares para que nós apaixonemos cada vez mais pela nossa literatura.

“— Imagine que a senhora baronesa era possuidora de um raríssimo violino, um Stradivarius. Pois bem, seu violino foi roubado há poucos dias e, desde então, dona Luísa anda inconformada. Não há doce de abóbora nem lundu de escravos que a tirem desta profunda melancolia. Seus negros já comentam que a sinhá está com banzo. Sarah sorriu sem entender metade:

— Banzô?! Qu’est-ce que c’est?

— É como os escravos chamam a melancolia, a tristeza, madame. Sentem falta da mãe África. Imagine a senhora que alguns chegam a morrer de saudades. Aliás, saudades é uma palavra intraduzível. Seria mais ou menos avoir le cafard”.

Jô Soares – O Xangô de Baker Street

Tenha um ótimo ponto para ler!

Você irá gostar de ler também:

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *