Divulgação | “Cantigas de ninar dragões” de Rogério Bernardes

Olá, meu bom leitor. Hoje quero falar sobre um lançamento uma nova parceria que o Ponto fez com um autor daqui de Brasília e que está prestes a lançar seu mais novo trabalho, estamos falando de Rogério Bernardes. O Rogério Bernardes é poeta, mora em Brasília e está lançando seu segundo livro de poemas com um título que já me despertou um interesse incomum, o nome do livro é “Cantigas de ninar dragões” (Ed. Penalux – Lampejos), vai me dizer que só pelo título você também não quer já ler e ver do que se trata seus poemas. O livro […]

Continue Reading

Uma revista literária para ficar de olho

Olá, leitores! Maio começou com novidade, o lançamento de uma revista literária que promete tampar um buraco que já existe há um certo tempo no mercado literário. O nome dela é Quatro Cinco Um e foi criada pelos editores Paulo Werneck, curador da FLIP de 2014 a 2016, e Fernanda Diamant, filósofa. O objetivo da revista é traçar um panorama mensal dos lançamentos no Brasil com foco em nós, consumidores de livros. A revista terá resenhas e notas sobre cerca de 20 áreas do setor de obras gerais, ou seja não será voltada apenas para a ficção. Política, economia, gastronomia e muuuitas outras […]

Continue Reading

A influência do audiovisual na Literatura [BEDA #28]

Olá, leitores! Se você acompanha pelo menos um pouco do mundo cinematográfico e da televisão você já deve ter percebido que ultimamente fomos invadidos por uma febre de adaptações literárias nesses dois campos. Esse movimento não é novo, desde o início dos tempos temos registros de séries e filmes que se baseiam em livros ou HQ’s, mas a impressão que tenho é que essa troca aumentou de uns tempos para cá e isso é movimentado, principalmente, pela bandeira levantada por muitos fãs que gostam muito de determinadas histórias e automaticamente sugerem que seja transformada em filme ou série. Quando é uma […]

Continue Reading

Revisitando Lima Barreto [BEDA #26]

Esse ano a Feira Literária de Paraty vai acontecer no final de julho e o escritor homenageado será Lima Barreto, um clássico da literatura nacional. Se você leu ou já ouviu falar em Triste Fim de Policarpo Quaresma, O Homem que Sabia Javanês e Cemitério dos Vivos, você sabe de quem eu estou falando. Meu primeiro contato com Lima Barreto foi na escola, Triste Fim de Policarpo Quaresma era um livro obrigatório e eu era uma adolescente relativamente tranquila que já gostava de ler, mas não li porque eu achava o fim da picada ler algo por obrigação. Pensando nessa […]

Continue Reading

Você sabe o que é ISBN?

Se você gosta de livros provavelmente já ouviu falar nessa sigla curiosa: ISBN. Mas o que é essa sigla, para que ela serve e porque é registrada em números? Hoje, aqui no PPL, você vai entender melhor sobre esse sistema. Veem comigo! A primeira coisa que você precisa saber é que ISBN é uma sigla em inglês que significa International Standard Book Number, ou seja é um número padronizado que é utilizado no mundo inteiro para registrar um livro e cada livro tem um ISBN diferente: “É um sistema internacional padronizado que identifica numericamente os livros segundo o título, o autor, […]

Continue Reading

6 Livros brasileiros para ler já [BEDA #23]

Olá, meu bom leitor. Estamos na batalha e o BEDA está sendo um baita desafio para nós do Ponto Para Ler, então hoje vamos de postagem coletiva do #NomeProvisório e vamos listar os livros brasileiros que mais gostamos, serão três livros indicados por mim e três indicados pela Ana. Paulo Não tem como começar com outro livro do que esse do Machado de Assis – que é o que eu mais gosto do autor – que simplesmente é o retrato da nossa realidade e de toda nossa hipocrisia brasileira. Esse conto de Aluísio de Azevedo foi o grande responsável por […]

Continue Reading

Finalistas – Man Booker International Prizer

Vocês lembram que eu fiz um post sobre o Man Booker International Prize? Nele eu falei um pouco sobre como funcionava o Prêmio e quais autores foram selecionados para concorrer. Falei também dos livros que já estavam disponíveis no Brasil e quais autores já possuíam outras obras já publicadas por aqui. Fiz também uma observação com relação a divisão geográfica, racial e de gênero dos escolhidos, mas hoje é dia de falar quais escritores passaram para a fase final. Os selecionados foram: Mathias Enard (França), com o livro Compass (Fitzcarraldo Editions), traduzido por Charlotte Mandell; David Grossman (Israel), com o […]

Continue Reading

Monteiro Lobato, um autor controverso [BEDA #18]

Hoje é dia do livro infantil e, não por coincidência, aniversário de Monteiro Lobato, escritor que deu vida ao Sítio do Pica Pau Amarelo. Já fizemos um post passeando por várias obras dele no ano passado, mas ele se perdeu junto com todos os posts de 2016. Por isso resolvemos falar novamente do autor, mas não vamos repassar suas obras e sim falar sobre uma controvérsias relativamente recente que ronda o nome dele e que fez com que a leitura de seus livros nas escolas fosse questionada. Antes de começar eu quero deixar claro que eu não estou aqui para […]

Continue Reading